Educação Financeira

Vale a pena abrir uma Poupança?

Abrir uma poupança pode trazer segurança, mas já não é mais tão vantajoso em termos de rendimento. Então vale a pena? Confira sobre isso aqui!

Anúncios

por Aline Saes

Publicado em 14/06/2021

Descubra se vale a pena colocar seu dinheiro na Poupança

Descubra se vale a pena colocar seu dinheiro na Poupança
Descubra se vale a pena colocar seu dinheiro na Poupança

Você provavelmente já ouviu alguém mais velho contar sobre como costumava colocar as economias na poupança e isso rendia uma boa quantia. Pois isso era considerado o mais seguro e o que a maioria das pessoas fazia durante muito tempo! Mas, será que ainda vale a pena abrir uma poupança? 

Então, se você é uma das pessoas que ainda tem essa dúvida, não se preocupe. Pois você não é a única e muito menos será a última. Aliás, a maioria das pessoas ainda tem bastante desconfiança sobre outras formas de economizar ou investir o dinheiro. 

Em suma, há uma grande variedade de opções que surgem para que você aplique ou invista o seu dinheiro. Assim, pode acabar sendo um pouco confuso entender as melhores opções e se ainda é vantajoso optar pela poupança, não é mesmo?

Mas isso está prestes a acabar. Pois em nosso artigo vamos explicar tudo o que você precisa saber se está pensando em abrir uma poupança. Então, basta continuar com a gente e conferir tudo o que reunimos de informações para você!

Vamos lá?

Anúncios

Qual valor mínimo para deixar na poupança?

Qual valor mínimo para deixar na poupança?
Qual valor mínimo para deixar na poupança?

Para quem ainda pensa em abrir uma poupança, é interessante ter uma noção de qual é uma boa base para deixar rendendo nessa carteira. Assim, é interessante que você possua uma boa quantia com liquidez. Mas o que é isso?

Bem, a liquidez se refere a recursos que você pode rapidamente converter em dinheiro em caso de necessidade. Ou seja, o que você reservou fica à sua disposição para uso em caso de necessidade imediata.

Assim, pensando em liquidez é interessante possuir uma conta-poupança, pois ela lhe dá essa opção de fácil acesso aos seus recursos quando precisar. Mas qual é o valor mínimo que uma pessoa deve deixar na poupança afinal?

Pois há alguns fatores que podem influenciar essa resposta, que você deve sempre levar em consideração quando for separar uma quantia para abrir uma poupança. Ou seja, é preciso ter em mente as seguintes coisas:

  • Quais são os seus gastos fixos mensais, aqueles que você caracteriza como indispensáveis e ocorrem todos os meses sem falta;
  • Há estabilidade na renda mensal? Ou seja, você tem um emprego ou fonte primária de renda?
  • Existem algumas possibilidades de precisar de valores emergenciais no curto ou médio prazo?
  • Qual é o padrão de vida que você deseja para si?
  • Com base em seu contexto de vida atual e seus desejos pessoais, qual é a quantia de dinheiro que lhe traria segurança em ter à sua disposição?

Agora, vamos pensar em duas delas de maneira mais profunda.

Quais são os seus gastos fixos mensais

Para saber quanto você deve ter de dinheiro ao abrir uma poupança, é indispensável entender bem as suas despesas fixas. Assim, pense bem: em caso de desemprego ou ficar sem fonte de renda primária, por quantos meses você conseguiria se manter dessa forma?

Então, é interessante que você tente garantir uma reserva de pelo menos seis meses para viver confortavelmente sem fonte de renda primária. Em suma, você economiza e ainda tem estabilidade e segurança em casos emergenciais.

Aliás, também é possível facilitar esse processo ao diminuir as demandas de fluxo de caixa sobre o seu orçamento doméstico. Ou seja, você quita dívidas de longo prazo com antecedência e paga valores menores. Assim, o valor que colocar ao abrir uma poupança poderá ser menor, destinando o restante para investimentos ou gastos.

Anúncios

Existem algumas possibilidades de precisar de valores emergenciais no curto ou médio prazo?

Nesse quesito entram aquelas surpresinhas a curto e médio prazo, como: 

  • despesas médicas inesperadas, com procedimentos, internação ou medicamentos caros;
  • emprestar dinheiro a algum familiar ou amigo de confiança por causas emergenciais;
  • quitar de maneira urgente alguma dívida em atraso, contas vencidas, etc;
  • Entre outros.

Qual a quantia que te traz segurança para ter à disposição?

Como dissemos, para saber qual o valor certo para abrir uma poupança é necessário pensar em seus desejos e no seu lado emocional. Ou seja, para que você se sinta seguro financeiramente, qual é a quantia que gostaria de ter à sua disposição na poupança para retirar quando precisar?

Mas esse valor irá variar de pessoa para pessoa, de acordo com o contexto de vida de cada um. Portanto, sente e pense bem em qual seria o valor que te traz segurança, e coloque isso como meta ao abrir a sua conta poupança.

Escolha o banco certo para você

Você sabia que toda conta poupança possui o mesmo rendimento, independente de qual é o banco em que você possui a sua poupança? Pois é! Mas então, qual a importância de escolher o banco certo para colocar o seu dinheiro?

Pois para saber qual é o valor ideal que te trará segurança, também é interessante conhecer bem qual é a instituição financeira ideal para guardá-lo. Assim, pesquise 

  • presença do banco em várias cidades
  • a qualidade do atendimento
  • os serviços agregados
  • quantos saques você tem direito sem a cobrança de taxas em sua conta.

Dessa forma, as características do banco também podem influenciar o valor que você deve deixar guardado em uma conta poupança na instituição.

Afinal, quanto de dinheiro deixar na poupança?

Bem, após refletir sobre todos esses fatores que trouxemos acima, é importante dizer que a maioria dos especialistas traz um valor máximo geral para que você consiga abrir uma poupança com estabilidade.

Assim, você deve estabelecer um limite de 50 mil reais para a sua poupança. Pois acima disso você começará a pagar imposto de renda, e com a porcentagem atual da poupança, isso não valeria nem um pouco a pena.

Então, caso você esteja ultrapassando esse teto com os seus valores na poupança, o ideal é que comece a pensar em alternativas, como títulos públicos e fundos de investimento com baixo risco. 

Em suma, deixe até 50 mil reais na poupança para casos de emergências em termos de gastos inesperados. Mas a partir daí, procure variar a forma como utiliza o dinheiro que consegue economizar de sua renda mensal, e pense em investimentos, por exemplo.

Aliás, que tal entendermos um pouco mais sobre como é o rendimento do seu dinheiro ao abrir uma poupança? Pois é justamente disso que iremos falar a seguir, então continue com a gente e confira abaixo!

Quanto rende 1.000 por mês na poupança?

Primeiramente, vamos explicar como está o rendimento da poupança em 2021. Pois nesse momento (2021) a poupança está rendendo 70% da Taxa Selic, desde que a taxa esteja inferior a 8,5%.

Assim, com a taxa selic em 2%, o rendimento da poupança neste ano está em 1,4% ao ano e 0,11% ao mês. Ou seja, se a sua intenção é fazer o dinheiro render, abrir uma poupança e deixar o seu dinheiro ali parado pode não ser a melhor escolha, já que outros ativos de investimento da Renda Fixa entregam mais rendimento e também são seguros.

Mas afinal quanto renderia 1000 reais  por mês na poupança? Bem, se você deixar 1000 reais na poupança, terá um rendimento de 0,14%. Ou seja, 14 reais em um ano, recebendo 1014 reais ao final do período.

Entretanto, ao sacar esse valor após um mês você ainda irá arcar com taxa de juros mensal de 0,11%. Assim, o valor final será de 1011 reais, com rendimento de 11 reais. 

É vantagem colocar dinheiro na poupança?

É vantagem colocar dinheiro na poupança?
É vantagem colocar dinheiro na poupança?

Como dissemos, a poupança já foi uma boa opção é uma das formas mais populares de guardar dinheiro no Brasil. Aliás, ainda permanece bastante procurada pelas pessoas, principalmente as mais velhas e acostumadas com um período em que os rendimentos ao abrir uma poupança ainda compensam.

Entretanto, os tempos mudaram e a poupança ficou para trás de outros ativos de investimento e títulos públicos da renda fixa, que trazem segurança e melhores rendimentos.

Ou seja, o dinheiro na poupança não é mais vantagem! A não ser que você esteja pouco preocupado com os rendimentos, e somente precise de um local seguro para deixar a sua reserva de emergência. 

Mas, em todo o caso, nós conhecemos muitas outras boas opções para quem busca rendimento e segurança ao poupar dinheiro. Então, reunimos a seguir quais seriam as melhores alternativas para quem pretendia abrir uma poupança, mas quer uma opção melhor.

Assim, basta continuar sua leitura e conferir o que escolhemos para você. Vamos adiante!

Tesouro Direto

Como falamos, colocar o seu dinheiro em títulos públicos pode ser uma boa alternativa para quem desistiu de abrir uma poupança por conta dos baixos rendimentos. Assim, ao colocar seu dinheiro no Tesouro Direto você está investindo em um programa do Tesouro Nacional e da Bolsa de Valores de São Paulo, a B3.

Então, um bom custo-benefício está na isenção de taxa administrativa para esse tipo de investimento por parte da maioria das corretoras de valores. Ademais, há apenas uma taxa anual de 0,3% sobre o que você investir.

Aliás, outro ponto interessante para você colocar seu dinheiro no Tesouro Direto é a possibilidade de começar com pouco dinheiro: o valor mínimo que aceita é de 30 reais! Muito fácil começar, não é mesmo?

Entretanto, o resgate dos valores tem perdas quando ocorre em curto prazo e antes do vencimento que definiu ao colocar o dinheiro.

CDB (Certificado de Depósito Bancário)

Essa é mais uma boa alternativa para quem não deseja mais abrir uma poupança. Pois o CDB é um tipo de ativo de renda fixa, bastante seguro e de baixo risco. Assim, aplicar em CDB é como se você emprestasse o seu dinheiro ao banco para ele operar, e assim obtém remuneração.

Ademais, o CDB possui liquidez diária (assim como a poupança), e você poderá investir com baixo risco e possibilidade de retirar valores quando precisar. Mas também existe a opção do CDB com resgate pré-determinado, em que o resgate só pode ocorrer quando esse prazo chega ao fim, gerando maiores rendimentos.

CDB PicPay: um dos melhores rendimentos do mercado

Você conhece o CDB PicPay? Se não, é a hora de conhecer esse rendimento de liquidez diária que é considerado um dos melhores do mercado. Saiba mais!

Letras de Crédito Imobiliário (LCI) e do Agronegócio (LCA)

Esse tipo de investimento é bastante vantajoso em relação a abrir uma poupança. Pois são isentos de Imposto de Renda. Entretanto, você vai precisar de um valor mais alto para começar a investir. No caso, o mínimo em geral é de 5 mil reais, com uma carência de 90 dias para que você possa resgatar o seu dinheiro e os rendimentos.

Previdência Privada

Com uma previdência privada você pode investir nos prazos que desejar, seja mensalmente ou não. Ademais, você tem seu dinheiro em aplicações de renda fixa e também em ações, oferecendo uma boa rentabilidade ao longo do tempo.

Mas é preciso estudar e escolher bem o seu plano de previdência privada, para que pague uma taxa menor no Imposto de Renda, ou mesmo para que fique isento quando precisar fazer o resgate dos valores.

Afinal, abrir uma poupança ou não?

Afinal, abrir uma poupança ou não?
Afinal, abrir uma poupança ou não?

De maneira resumida, a poupança ainda oferece boa segurança para quem coloca nela o seu dinheiro. Pois o Fundo Garantidor de Crédito cobre o limite de 70 mil reais em caso de falência ou outros problemas com a instituição financeira.

Entretanto, em termos de rendimento, abrir uma poupança já não é mais a melhor opção para quem quer fazer valer o dinheiro, e não apenas deixar acumulando parado. 

Assim, o que recomendamos é que a pessoa procure por investimentos em títulos públicos e renda fixa, pois eles trazem a mesma segurança da poupança, mas com melhores rendimentos para você.

Então, preste atenção nas opções de renda fixa, principalmente as que sugerimos acima. Mas não somente essas! Pois em nosso portal Senhor Panda nós temos boas informações para que você encontre a melhor alternativa, caso tenha se convencido de não abrir uma poupança para deixar o seu dinheiro.

Em suma, sugerimos que busque por essas opções antes de considerar abrir a poupança, e pesquise por mais informações em nosso portal. 

Assim chegamos ao final de nosso artigo exclusivo sobre a poupança e se ela ainda vale a pena. Mas o que você achou? Concorda com nossa conclusão e nossas informações?

Esperamos ter ajudado e tornado esse processo de decisão mais fácil! Até mais!

O que é CDB, CDI, SELIC, LCA, LCI, LC, FGC, COE?

Essas e muitas outras siglas formam parte do mercado financeiro, e muitas vezes, podem parecer assustadoras e complicadas. Na verdade, elas são simples. Saiba tudo aqui!

Sobre o autor

Aline Saes

Mestre em História Social pela USP. É escritora autônoma para variados assuntos. Sempre apaixonada pela escrita, tem como missão levar informação para as pessoas de forma simples e atrativa.

Revisado por

Tathiane Mantovani

Editor(a) sênior

Em Alta

content

Como abrir conta Ame Digital

Já sabe como abrir a conta Ame Digital? Leia neste artigo o passo a passo para você solicitar a sua e começar a utilizar os serviços.

Continue lendo
content

Conheça o empréstimo consignado Alfa Financeira

Conheça o empréstimo consignado Alfa Financeira e veja se este empréstimo é o que você precisa no momento! Ah, ele é ideal para negativados!

Continue lendo
content

Cartão de crédito negativado: como conseguir?

Saiba como conseguir cartão de crédito para negativado e conheça as 5 melhores opções de cartões do mercado. Clique aqui e confira!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Descubra as principais vantagens do cartão Zencard

Tenha total controle sobre o limite de seu cartão de crédito, baixas tarifas e sem juros abusivos. Conheça o cartão Zencard e saiba quais outras vantagens ele reserva para você.

Continue lendo
content

Como financiar reforma com Creditas

Se você deixou o sonho da reforma da sua casa para depois, é hora de tirar esse projeto do papel e reviver o seu cantinho. Com a possibilidade de financiar reforma com Creditas, você cuida da sua casa por completo, desde a decoração e mobília até os reparos emergenciais. Saiba mais aqui.

Continue lendo
content

Justiça do Mato Grosso do Sul concede acesso ao FGTS a trabalhador com condições cardíacas

Em sentença inédita no país, o Tribunal Regional Federal da 3ª Região determinou que a Caixa Econômica Federal autorizasse a retirada do FGTS por um trabalhador com enfermidades fora das previstas em Lei pelo Governo. Confira mais a seguir!

Continue lendo