Finanças

Como não desperdiçar dinheiro em 2021?

Está cansado de desperdiçar dinheiro e ver a vida afundar? Então veja 5 dicas importantes para evitar ficar no vermelho em 2021.

Anúncios

por Heloisa Trindade

Publicado em 31/03/2021

Desperdiçar dinheiro pode fazer você ficar endividado

Desperdiçar dinheiro pode fazer você ficar endividado (Imagem: Notícias.R7)
Desperdiçar dinheiro pode fazer você ficar endividado (Imagem: Notícias.R7)

Quando um ano novo começa nosso desejo é sempre fazer diferente e não mais desperdiçar dinheiro. Por isso, estabelecemos metas, queremos realizar sonhos e trabalhamos duro para que no fim do ano a gente sinta que valeu a pena.

E se está entre os seus objetivos para o ano de 2021 economizar dinheiro ou pagar as dívidas, esse artigo é ideal para você.

A forma como o brasileiro lida com o dinheiro não é das mais organizadas, tanto que temos mais de 60 milhões de pessoas com alguma dívida atrasada. Isso se deve ao fato de que dificilmente ensinam sobre educação financeira e quando as pessoas vão aprender a cuidar do seu próprio dinheiro provavelmente já estão em maus lençóis, cobertas de dívidas.

Um dos vários motivos para se ficar endividado é o desperdício de dinheiro. Quando você compra itens desnecessários, que poderia deixar para depois ou que simplesmente estavam em promoção e você quis gastar com eles, significa que no futuro esse mau hábito pode vir a complicar sua vida. Antes de se endividar você deve analisar sua situação financeira, se vai conseguir pagar e se vale a pena gastar com isso.

Se desperdiçar dinheiro com coisas desnecessárias pode não ter dinheiro para algo que quer muito comprar e entrou na promoção esses dias, por exemplo. E além de ficar endividado você corre o risco de sujar seu nome por besteiras completamente evitáveis.

E pensando nisso, hoje queremos te ensinar hábitos simples, mas que vão fazer total diferença na forma como você lida com suas finanças. Portanto, além de você aprender como não desperdiçar dinheiro, também vai ficar por dentro de 5 ações para evitar esse desperdício, evitando dívidas e dores de cabeças no fim do mês.

Anúncios

Como não desperdiçar dinheiro em 2021?

Como não desperdiçar dinheiro em 2021? (Imagem: Suno.Research)
Como não desperdiçar dinheiro em 2021? (Imagem: Suno.Research)

Quando não se tem um planejamento financeiro, uma planilha ou qualquer folha de papel para registrar os gastos fixos, variáveis e emergenciais, é provável que o controle seja perdido. Pois não há como saber todas as suas dívidas do mês se você não as registra em lugar algum, portanto esse tipo de descuido abre porta para maus hábitos que podem te complicar no futuro.

Gastos indevidos, parcelamento em muitos meses, promoções relâmpago, isso tudo te leva a um consumo inconsciente, aquele que você gasta que nem sente. Desse modo, alimentar esses hábitos de não registrar suas dívidas e gastar como se não houvesse amanhã te torna um potencial mal pagador no futuro.

O desperdício tem a ver com hábitos que precisam ser mudados e para evitar isso você precisa ter controle sobre o que você compra, ter disciplina e muita moderação, principalmente se não tiver como pagar. A regra é clara, nunca gaste mais do que você ganha, assim você nunca vai ficar endividado.

Mas isso não significa que você só vai poder comprar coisas básicas e extremamente necessárias. Claro que você pode e deve gastar com lazer ou aproveitar aquela promoção que parece perfeita. Porém essas coisas só podem ser feitas se houver dinheiro pra isso e se o seu orçamento te permitir.

Pensando em te ajudar a não desperdiçar dinheiro em 2021 vamos te dar 5 dicas importantíssimas de ações que você deve seguir para controlar os seus gastos financeiros e consumir de forma consciente. 

5 ações para não desperdiçar dinheiro

5 ações para não desperdiçar dinheiro (Imagem: AA40)
5 ações para não desperdiçar dinheiro (Imagem: AA40)

Veja agora 5 ações para não desperdiçar dinheiro em 2021 e conseguir organizar suas finanças.

Anúncios

Disciplina

Disciplina (Imagem: atelier profissional)
Disciplina (Imagem: atelier profissional)

A primeira dica é ter disciplina. A melhor coisa para facilitar sua vida é você planejar os seus gastos, portanto, sempre que quiser comprar algo, crie o hábito de anotar.

Comece com duas listas uma para anotar o que você quer e a outra para o que você precisa, assim distribua os itens para as listas e dê prioridade aos que ficarem na parte a qual você “precisa” e se caso o seu dinheiro ainda der para gastar com itens que você quer pode começar a adicioná-los ao carrinho.

Esse tipo de exercício te ajuda a ter um planejamento, estabelecer metas e segui-las com tranquilidade, sabendo exatamente o que está fazendo. Além do mais evita que você gaste dinheiro com coisas desnecessárias.

Portanto, se controle e evite sair com o cartão de crédito se não tiver planejado comprar nada. Isso faz com que você sempre faça compras conscientes, evitando comprar por impulso.

Não manter a disciplina com gastos que parecem bobos como por exemplo gastar com almoços fora ou pedidos de delivery, no fim do mês podem gerar uma despesa e tanto se você calcular. Portanto, sempre que puder prepare o seu próprio almoço e leve para o trabalho, assim você evita gastos e ainda tem uma comida mais confiável.

Consumo consciente

Consumo consciente (Imagem: Freepik)
Consumo consciente (Imagem: Freepik)

As propagandas estão cheias de gatilhos mentais, que te fazem acreditar que você precisa daquele produto a todo custo ou que você irá perder se não comprar daqui há 5 horas. Por isso é importante não cair nesse tipo de conversa, promoções existem o ano todo e se você não tiver dinheiro na hora provavelmente o item entra em promoção de novo em eventos como a Black Friday.

Consumir consciente é você saber dizer não quando não houver dinheiro. Por isso, cuidado com as compras por impulso, por emoção ou sem necessidade.

Quando falamos de consumo consciente também estamos falando de gastos com transporte por aplicativo, delivery e todos esses novos serviços que facilitam a vida dão uma comodidade pro consumidor. Mas se você realmente quiser economizar em 2021, evite esses tipos de gastos sempre que puder, prefira comida caseira e andar de ônibus ou bicicleta.

Além disso, é importante também ficar atento ao “barato que sai caro”, claro que existem produtos baratos de qualidade, mas saber reconhecer é de extrema importância. O que vale gastar dinheiro com algo que você sabe que vai quebrar facilmente? Por isso é mais viável pagar um valor mais caro do que comprar qualquer produto porque é barato.

Compras por impulso: como controlar?

Fazer compras pode ser um momento de muita satisfação, porém, para algumas pessoas pode se tornar um grande problema ou doença séria. Vamos entender como funciona

Controle na hora de parcelar

Controle na hora de parcelar (Imagem: Foregon)
Controle na hora de parcelar (Imagem: Foregon)

É muito importante não sair por aí parcelando tudo o que ver pela frente em 10 ou 12 vezes só porque não tem juros. Sabemos que parece um valor bobo quando dividimos as parcelas, mas isso pode acarretar num grande descontrole se você combinar com outros gastos que precisará fazer nos meses seguintes.

Esse é um grande erro da maioria dos brasileiros. Pois já compromete um dinheiro que você nem sabe se terá. Por isso, quando for comprar algo, prefira pagar à vista e perceba o quanto sua vida financeira vai melhorar com essa atitude. Mas atenção, caso você tenha controle financeiro baseado em sua fatura, ignore essa dica.

Parcelamento é realmente um perigo, por isso se você tiver dinheiro para pagar à vista, faça isso. Pois além de poder pedir descontos na compra, você não compromete sua fatura com mais um gasto para pagar no fim do mês.

Para obter ainda mais controle sobre o que você gasta, opte em ter apenas um só cartão de crédito, assim todas as suas dívidas ficarão armazenadas em uma só fatura. E isso evita que você se confunda e esqueça da dívida que fez num cartão de uma loja há muito tempo, por exemplo.

Lazer é bom, mas com parcimônia

Lazer é bom, mas com parcimônia (Imagem: Pool.Rescue)
Lazer é bom, mas com parcimônia (Imagem: Pool.Rescue)

Já ouviu falar que menos é mais? Isso mesmo, vale muito a pena a gente aproveitar um passeio de qualidade do que gastar com algo só porque é barato. A ideia aqui é fazer você enxergar que não é sempre que vai ser bom para o seu bolso o que é divertido para você.

Por isso, não é toda vez que você vai ter dinheiro pra sair com os amigos todo fim de semana, e não tem nada de mal recusar e poupar essa quantia para um passeio mais significativo. Curtir com os amigos sempre é bom, mas também precisamos ser responsáveis pelas nossas escolhas financeiras. Então não adianta sair pra se divertir e depois não conseguir pagar a conta, assim você só estará escolhendo ter dores de cabeça pra fechar as contas no fim do mês.

Diga não para eventuais convites cujo orçamento não pode atender. Isso não significa abdicar de sua vida social, mas de entender quando um evento foge da sua capacidade financeira – e que participar dele só servirá para se endividar

Por isso te aconselhamos, saia menos. Ir em bares, restaurantes e outros locais pode pesar no bolso. Por isso, para poupar dinheiro, troque essas saídas de casa por uma refeição caseira, um cineminha na sala ou outro programa. Existem várias formas de se divertir em casa, chame os amigos ou reúna a família para um jantar com jogos de mesa e muita conversa.

Além de ser divertido você vai economizar muito com esses encontros em casa, ainda mais se vocês dividirem a conta.

Cuidado com as promoções

Cuidado com as promoções (Imagem: Santa Contábil)
Cuidado com as promoções (Imagem: Santa Contábil)

Para economizar dinheiro, é preciso ser disciplinado. Na prática, isso significa eliminar gastos de impulso e aprender a dizer não para você mesmo e para familiares sempre que quiser comprar algo que está fora do seu orçamento. 

Essa capacidade de dizer não para gastos desnecessários pode mudar completamente sua relação com o dinheiro, te transformando numa pessoa mais equilibrada e sempre preparada para qualquer emergência financeira.

Também faz parte dessa jornada ter muito cuidado com as promoções pois elas são o pontapé para as compras por impulso, aquele produto que você nem precisa, mas quer levar porque está por um preço ótimo. No final das contas você acaba não usando porque simplesmente não precisava ter comprado, e essa é a hora que o arrependimento bate.

Uma ótima alternativa para isso é comprar apenas em época de promoção, deixe o fim de ano passar e aproveite os saldões de janeiro (onde as lojas geralmente fazem queima de estoque). Ou passe um tempo comparando preços para comprar mais barato na Black Friday. São esses pequenos hábitos que te ajudam a economizar muito no fim do mês e ainda mostram que você sabe usar o seu dinheiro.

O brechó é outra opção interessante, pois além de reutilizar uma peça em bom estado, você encontra itens para todos os estilos e todos os orçamentos. Vale a pena garimpar e acompanhar as lojas online. Muitas vezes até itens caros de marcas renomadas estão disponíveis num brechó por um preço camarada que vale a pena comprar.

Por que desperdiçar dinheiro pode te deixar endividado?

Por que desperdiçar dinheiro pode te deixar endividado? (Imagem: Investidor sardinha.R7)
Por que desperdiçar dinheiro pode te deixar endividado? (Imagem: Investidor sardinha.R7)

Parece um sonho ter dinheiro para pagar as contas e ainda se divertir, mas isso é muito possível, dependendo dos seus gastos, cortes significativos podem ser feitos. Assim fazendo com que você consiga pagar as contas e ainda ter motivos pra sorrir.

Quando você desperdiça e gasta dinheiro como se não houvesse amanhã, além de correr o risco de precisar de fundos para uma eventual emergência e não conseguir, você também pode perder o controle e não conseguir fechar as contas no fim do mês. Assim, podendo entrar em uma grande bola de neve de juros que só cresce e fica cada vez mais difícil de pagar.

Além disso, desperdiçar dinheiro também te impede de investir em ações importantes e utilizar suas economias para gerar um montante maior.

Pode parecer uma boa ideia gastar dinheiro com coisas que você pode aproveitar de imediato. Mas vale a pena juntar dinheiro para realizar planos futuros que dependam de uma grana extra.

Você pode ter o sonho de ter uma casa própria, fazer uma viagem internacional, ter filhos ou fazer um curso que custe caro, mas valha a pena. Calcule o valor dos seus sonhos, além de como e quando você quer realizar eles, e poupe dinheiro para isso.

Poupar dinheiro significa independência financeira e tranquilidade para sua vida. Pois faz com que você não dependa de cartões e empréstimos a todo momento para fazer os seus pagamentos, te dando segurança até mesmo em emergências.

Por fim, comece agora a colocar as nossas dicas em prática, poupe seu dinheiro e realize os seus objetivos financeiros. Não esqueça de anotar cada uma das dicas mais importantes para você e não deixe passar nada.

Psicologia financeira: como ela te afeta

Sabia que a psicologia financeira pode afetar no seu bolso? Então saiba como usá-la de forma positiva para melhorar suas finanças

Sobre o autor

Heloisa Trindade

Sou Heloisa Trindade, jornalista pelo DRT 1424/MS de Campo Grande, formanda em publicidade e propaganda pela Estácio de Campo Grande, redatora e produtora de conteúdo há 4 anos. Minha paixão por ler e escrever veio desde criança, por influência da minha mãe. Em meio a uma crise financeira, descobri que poderia usar a minha paixão para produzir renda e foi então que iniciei com meus primeiros blogs. Meu objetivo é entregar sempre conteúdos verídicos, de qualidade e informação aos nossos leitores.

Revisado por

Tathiane Mantovani

Editor(a) sênior

Em Alta

content

Cartão Nubank Ultravioleta ou Cartão Magalu: qual o melhor?

Decida entre o cartão Nubank Ultravioleta ou cartão Magalu. Ambos têm ótimos benefícios, como cashback e muito mais!

Continue lendo
content

Cartão de crédito Olé Consignado: descubra tudo sobre esse cartão ideal para os negativados

Para quem está negativado e não consegue um cartão de crédito, os seus problemas foram resolvidos com o cartão de crédito Olé Consignado.

Continue lendo
content

Como solicitar cartão C&C

Para solicitar o cartão C&C, é necessário entrar em contato através da central telefônica, ou presencialmente nas lojas. Veja mais aqui.

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Cartão Zencard ou Cartão Nubank Ultravioleta: qual o melhor?

Confira nosso conteúdo comparativo sobre o cartão Zencard ou cartão Nubank Ultravioleta e descubra suas vantagens e desvantagens. Assim, você poderá decidir qual o ideal para o seu perfil financeiro.

Continue lendo
content

Conheça a conta à ordem Novo Banco 18-25

Acabou de completar 18 anos e quer uma conta completa, porém, com menos custos? Então confira, no post abaixo, tudo sobre a conta à ordem Novo Banco 18-25 e veja se é a ideal para si.

Continue lendo
content

Governo Federal e Caixa liberam saque FGTS para vítimas de enchente

As enchentes tem causado estrago em várias áreas dos estados da Bahia e Minas Gerais desde o ano passado. Alguns municípios já declararam estado de calamidade pública e, portanto, seus moradores tem direito ao saque do FGTS. Veja como fazer a solicitação.

Continue lendo