Dicas

Cálculo décimo terceiro salário: como fazer

Você sabe como fazer o cálculo do décimo terceiro? Ele é muito simples e pode ser feito a mão. Porém, atualmente existem diversas ferramentas que auxiliam nesta tarefa. Continue a leitura e confira como calcular este benefício trabalhista.

Anúncios

por Leticia Maia

Publicado em 22/12/2021

Descubra como calcular o seu décimo terceiro

Vamos te mostrar como calcular o décimo terceiro. Fonte: Pexels.
Vamos te mostrar como calcular o décimo terceiro. Fonte: Pexels.

O décimo terceiro salário é um benefício oferecido ao trabalhador garantido pela Consolidação das Leis Trabalhistas, a CLT. Podemos dizer que ele é um salário extra no final do ano. Para fazer o cálculo do décimo terceiro, utilizamos a proporção de 1/12 meses trabalhados. Ou seja, se você trabalhar durante um ano inteiro na mesma empresa, vai receber o benefício integral. Em outras palavras, o valor inteiro do seu salário. 

No artigo de hoje, vamos te mostrar como fazer o cálculo do décimo terceiro em detalhes. Continue a leitura e descubra!

Anúncios

O que é o décimo terceiro salário?

Como mencionamos, o décimo terceiro salário é o benefício garantido ao trabalhador pela Consolidação das Leis Trabalhistas. Isso porque a empresa acumula esse benefício durante todo o período trabalhado. Ou seja, se você trabalhar um ano recebe o salário integral. Porém, se trabalhou apenas 6 meses, recebe metade do benefício.

Além disso, o benefício não é só concedido aos trabalhadores de carteira assinada. Algumas outras categorias também recebem a bonificação. É o exemplo de empregados afastados por motivo de doença, colaboradores afastados por acidente de trabalho e os aposentados e pensionistas.

O décimo terceiro pode ser pago em duas parcelas, de forma que fique mais leve para as empresas. No entanto, se for pago em parcela única, tem o prazo de 30 de novembro. Já se a empresa optar por fazer o pagamento em duas parcelas, funciona da seguinte maneira:

A primeira parcela deve ser paga entre 1º de fevereiro e 30 de novembro. Esse valor pode, ainda, ser antecipado quando o colaborador entrar de férias. Já a segunda parcela deve ser paga até dia 20 de dezembro.

Como calcular férias: passo a passo

Quer saber como calcular suas férias? Vamos te mostrar o que são as férias e também qual a o passo a passo para calcular. Confira!

Como fazer o cálculo décimo terceiro?

Hoje em dia, ficou fácil calcular seu décimo terceiro. Existem diversas opções de calculadora online. No entanto, vamos te explicar como funciona o cálculo do décimo terceiro. Veja as informações necessárias:

  • salário bruto: salário sem descontos;
  • número de dependentes: por exemplo, um filho;
  • média de horas extras: coloque uma média da quantidade de horas extras que você realiza no mês;
  • número de meses trabalhados: esse número que estipula a quanto você vai receber;
  • parcela: aqui você define se vai ser uma parcela única ou duas parcelas.

Com essas informações você já consegue calcular o seu décimo terceiro. Do mesmo modo, fazer a conta manualmente não é tão difícil. Basta dividir o valor do seu salário bruto por 12, que corresponde a quantidade de meses no ano. Assim, você descobre a quantia mensal do seu salário. Depois, multiplique esse valor pela quantidade de meses trabalhados no ano.

Mas fique atento, existem alguns fatores que influenciam no décimo terceiro. É o caso do adicional noturno, horas extras e comissões. Isso porque esses valores devem ser somados ao salário bruto antes da divisão pelos 12 meses. Além disso, as faltas injustificadas também influenciam no cálculo, pois apenas são contabilizados os meses em que o colaborador trabalhou mais de 15 dias na empresa.

Anúncios

Como calcular o valor da parcela única?

O décimo terceiro pode ser pago em uma ou duas parcelas. Fonte: Pexels.
O décimo terceiro pode ser pago em uma ou duas parcelas. Fonte: Pexels.

Agora que você já sabe como calcular o décimo terceiro no geral, chegou a hora de entender mais sobre o pagamento da parcela única. Bem como mostramos acima, esse cálculo é muito simples. Sendo necessário apenas possuir o valor do seu salário bruto e a quantidade de meses trabalhados.

Além disso, é necessário fazer os descontos, como do INSS, no valor a se receber. Outro imposto a se descontar é o Imposto de Renda Retido na Fonte, esse valor também influencia no quanto você vai receber de décimo terceiro.

Como é o cálculo décimo terceiro em duas parcelas?

Como mencionamos, o décimo terceiro pode ser pago em duas parcelas. Nesse sentido, a primeira parcela pode ser paga entre 1º de fevereiro e 30 de novembro. Pois bem, já a segunda deve ser paga ao trabalhador até o dia 20 de dezembro.

Para calcular o valor das duas parcelas, é um cálculo muito parecido com o que já mencionamos. Em outras palavras, a diferença é que o valor do salário bruto é dividido por dois. Porém, caso você precise realizar o cálculo proporcional, é só não contar 12 meses e sim a quantidade que você trabalhou.

Para calcular a segunda parcela, o processo é exatamente o mesmo. No entanto, considere o Imposto de Renda e também o INSS, pois esses valores não são incluídos na primeira parcela.

Conheça mais benefícios trabalhistas

O décimo terceiro é um benefício obrigatório por lei, mais especificamente pela Consolidação das Leis Trabalhistas. Além desse, existem ainda mais benefícios que uma empresa pode oferecer a seu colaborador. Alguns são obrigatórios, outros não.

Do mesmo modo, no caso dos opcionais, normalmente são oferecidos para atrair os melhores profissionais do mercado com boas condições de trabalho. Veja agora alguns dos benefícios garantidos pela Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT):

Vale transporte

O Vale Transporte é essencial, principalmente para colaboradores que moram longe do trabalho. A lei reforça que a empresa é obrigada a pagar o vale para trabalhadores que moram a mais de um quilômetro do emprego.

Do mesmo modo, a empresa tem direito a descontar 6% do salário para pagar o Vale Transporte. Contudo, para atrair os profissionais, as empresas estão deixando essa prática de lado.

FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço

O FGTS ou Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, é depositado mensalmente em uma conta que o empregado não tem acesso. Dessa forma, só é possível sacar o FGTS se o funcionário for demitido sem justa causa ou ficar doente.

Além disso, também é possível no caso de compra de imóveis. Para quem é CLT, o benefício corresponde a 8% do salário. Já para jovens aprendizes, corresponde a 2%.

Adicional noturno

O adicional noturno é um benefício exclusivo para as pessoas que trabalham no período da noite. Esses horários dependem muito da função e também da área de trabalho de cada uma. Nesse sentido, o valor do adicional noturno é de, no mínimo, 20% da hora de trabalho.

Portanto, depois de saber mais sobre o cálculo décimo terceiro e também de mais benefícios trabalhistas, calcule já o seu e planeje seus gastos nesse fim de ano. Ademais, no artigo recomendado abaixo, te ensinamos a calcular o adicional noturno. Confira!

Como calcular adicional noturno online

Trabalha no período da noite? Neste artigo vamos te mostrar como calcular o adicional noturno online. Leia agora e descubra mais!

Sobre o autor

Leticia Maia

Estudante de jornalismo na UFSC, sempre foi apaixonada pela escrita. No meio da faculdade conheceu o marketing digital e se encantou. É produtora de conteúdo para blogs e redes sociais.

Revisado por

Tathiane Mantovani

Editor(a) sênior

Em Alta

content

Conheça o consórcio automóvel Santander

Conquiste seu sonho do carro zero com o consórcio automóvel Santander. Ele oferece planos de pagamento facilitado, taxa de juros zero e muito mais.

Continue lendo
content

Como solicitar o empréstimo KeroGrana

Solicite o empréstimo KeroGrana e saia do endividamento com valores em até R$35 mil e parcelamento em até 24 vezes com juros a partir de 2,97% ao mês.

Continue lendo
content

Como descobrir a senha do Wi-Fi do vizinho?

Sua conexão caiu e você precisa de internet? Veja neste post como descobrir a senha do Wi-Fi do vizinho e, assim, se manter conectado!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Como solicitar o empréstimo Usecasa

Com o empréstimo Usecasa, você utiliza o seu imóvel como garantia e usa o crédito como preferir, seja para investir nos negócios, fazer uma viagem especial ou reformar a casa. Portanto, confira aqui como solicitar esse crédito e alcance a liberdade financeira em poucos passos!

Continue lendo
content

Conheça a Comprei – plataforma digital do governo que proporciona a compra de bens penhorados

Agora é possível adquirir bens penhorados pelo Governo Federal através de uma plataforma digital. A Comprei deve ir ao ar no próximo mês, e vai oferecer mais de 8 mil imóveis em sua primeira etapa. Entenda mais a seguir!

Continue lendo
content

Conheça o empréstimo pessoal Neon

Com o empréstimo pessoal da Neon você pode contar com quantias de até R$15 mil para realizar seus sonhos, estudar, fazer uma grande festa, viajar ou o que mais você precisar. Descubra como este crédito funciona no post, a seguir.

Continue lendo