Dicas

Tudo que você precisa saber sobre o Tesouro Direto

Anúncios

Principalmente para aqueles que buscam investimentos conservadores, o Tesouro Direto é provavelmente uma das melhores opções disponíveis. De forma simplificada, é uma forma de emprestar dinheiro ao governo em troca de juros. Naturalmente, quanto mais tempo você deixar o dinheiro investido, maior serão os juros que o governo lhe retribuirá ao retirar a aplicação.

Curiosamente, mesmo sendo um dos instrumentos mais simples de investimento, é muito comum encontrar pessoas que nunca ouviram falar do Tesouro Direto, e ainda deixam grande parte do seu dinheiro na poupança.

O valor mínimo de investimento no Tesouro é de R$ 30,00 e é de longe um dos investimentos mais seguros, dado que você está emprestando dinheiro para ninguém menos do que o próprio governo federal.

Você não tem mais desculpa para deixar de aproveitar um dos investimentos mais atrativos do mercado! Continue lendo para descobrir as vantagens de investir no Tesouro Direto.

O Tesouro Direto é um dos instrumentos mais atrativos do mercado por bons motivos:

  • A rentabilidade é atrativa, levando em conta o nível de risco baixíssimo da aplicação;
  • As taxas de administração, discutidas no final do artigo, são muito baixas em comparação a outras aplicações;
  • Você encontrará diferentes tipos de títulos para comprar. Isso aumenta um pouco a barreira para iniciar no Tesouro Direto, porém aumenta muito sua flexibilidade (vamos dedicar parte do artigo para entender os diferentes tipos de títulos que você pode comprar);
  • A liquidez é diária e garantida pelo Tesouro Nacional.

Anúncios

Tipos

Na prática, no momento de comprar um título, você se deparará com alguns tipos diferentes de aplicações. Estes tipos estão atrelados a objetivos financeiros e expectativas sobre o futuro da economia. Com base no seu planejamento, em geral, um tipo de título é mais recomendado do que outros.

O prazo do título é outra questão importante. Sempre que possível, compre títulos com prazo de vencimento atrelados ao seu objetivo. Por exemplo, se você está guardando dinheiro para comprar um carro daqui a dois anos, procure por títulos que vencerão próximo deste prazo.

Clique para avançar e entenda como os títulos do Tesouro Direto estão organizados.

Tesouro Prefixado

Os títulos prefixados garantem a rentabilidade que você visualiza no momento da compra. Ou seja, você sabe exatamente quanto vai resgatar no momento de vencimento do título.

Eles são uma excelente opção quando você está investindo para atingir determinado valor no futuro, ou se você acredita que os juros da economia – ou seja, a taxa SELIC – vão cair em um futuro próximo.

Anúncios

Tesouro IPCA

Já o Tesouro IPCA é um pouco mais sofisticado. Ele garante uma rentabilidade prefixada, acima da inflação (que, neste caso, é medida pelo IPCA). Ou seja, não é possível antecipar exatamente quanto você vai ganhar no vencimento do título, dado que a inflação muda ao longo do tempo. Porém, você tem certeza de quanto você vai ganhar acima da inflação.

É exatamente isso que torna o Tesouro IPCA tão atrativo para investimentos de longo prazo, como, por exemplo, o seu fundo de aposentadoria.

Tesouro SELIC

Por fim, o Tesouro SELIC é inteiramente pós-fixado, e seu rendimento é idêntico à Taxa SELIC. É um dos papéis mais movimentados no Tesouro Direto e sua principal vantagem é a baixa volatilidade. Por isso, de todos os títulos, é o mais recomendado se você não tem certeza se conseguirá deixar o dinheiro parado até o vencimento do título.

Taxas

Como citado anteriormente, uma das principais vantagens do Tesouro Direto são as taxas de administração e negociação dos papéis, que em comparação a outros tipos de aplicação, são extremamente baixas.

As taxas são divididas em duas categorias:

  • Taxa de Custódia de 0,3% ao ano, cobrada pelo Tesouro Direto;
  • Taxa adicional cobrada pela sua corretora.

Antes de investir no Tesouro Direto, escolha a corretora certa. Em muitos casos, a segunda taxa é nula, o que aumenta consideravelmente seus retornos no longo prazo.

Rentabilidade

O Tesouro Direto também disponibiliza uma tabela com o rendimento acumulado dos diferentes títulos disponíveis para compra e venda. Lembre-se de consultar estes dados – e estudar os diferentes tipos de títulos – antes de decidir qual título comprar.

Simulador

Se você ainda estiver em dúvida, utilize o simulador de retorno do Tesouro Direto para escolher o título que melhor se adapta aos seus objetivos financeiros.

Em Alta

content

Cartão de crédito BrasilCard: o que é o BrasilCard?

O cartão BrasilCard não pede comprovação de renda e dá prazo de 45 dias para pagamento da fatura. Confira aqui mais vantagens do cartão!

Continue lendo
content

AirHelp: como funciona?

Neste artigo vamos te mostrar a AirHelp. A empresa de compensação que te ajuda a recuperar o prejuízo de voos cancelados ou atrasados.

Continue lendo
content

Como antecipar FGTS pelo PagBank?

Confira neste post como é possível antecipar FGTS pelo PagBank e receber até 7 parcelas do seu saque-aniversário de uma única vez!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Conheça o financiamento construção Caixa

Com o financiamento construção da Caixa, você pode emprestar até 80% do valor da obra, pagar em até 420 meses e, ainda, amortiza parte da dívida com seu FGTS. Saiba mais no post abaixo.

Continue lendo
content

Conheça o Crédito Pessoal Millennium BCP

Já pensou em contratar até 15.000€ para fazer uma viagem ou rechear a casa e fazer tudo online? Se sim, conheça o Crédito Pessoal Millennium BCP que possibilita que seus objetivos se realizem. Confira!

Continue lendo
content

Como solicitar o Zencard

Se você deseja autonomia financeira, mas sem ter que pagar diversas tarifas diferentes e taxas de juros altas, o cartão de crédito Zencard pode ser uma ótima opção para você e seu bolso. Confira!

Continue lendo