Cartões

Como solicitar o cartão Bradesco Neo passo a passo

Descubra o passo a passo de como fazer o pedido de solicitação do mais novo cartão do banco Bradesco, o cartão de crédito Neo.

Anúncios

Características do cartão Bradesco Neo

O Bradesco Neo (do banco Bradesco) busca, acima de tudo, trazer uma maior praticidade e uma maior facilidade aos seus clientes para que, desta maneira, eles consigam aproveitar os benefícios e as vantagens que o cartão oferece do melhor modo possível.

Por isso, a bandeira do cartão Bradesco Neo é a Visa. Com ela, você terá acesso a quase todas as lojas e estabelecimentos do Brasil e, até mesmo, do mundo.

Sim, é isso mesmo! Você consegue ter acesso a diversos produtos ao redor do mundo todo. Isso acontece porque o cartão possui cobertura internacional, ou seja, ele oferece a possibilidade de comprar produtos e serviços que só se encontram nos países do exterior.

Ainda nos dias atuais, grande parte das empresas tradicionais cobram de seus clientes a taxa de anuidade do cartão. Então, os usuários precisam pagar, já que o banco pede, uma certa quantia anual para poder usar o cartão e aproveitar os seus benefícios.

No entanto, se você fizer o cartão Bradesco Neo, será possível que você não pague a taxa de anuidade do cartão, ou seja, você consegue ficar isento de pagar, uma vez ao ano, determinado valor para usar o cartão.

Para isso acontecer, isto é, para que você não pague a taxa de anuidade do cartão, será preciso que você gaste, pelo menos, R$50,00 reais por mês utilizando o cartão.

Caso isto não ocorra, você, infelizmente, terá que pagar a taxa anual do cartão, que custa, atualmente, R$240,00 reais, ou 12 vezes de R$20,00 reais.

Por fim, você pode, com o cartão Bradesco Neo, pagar suas faturas em, até mesmo, 40 dias depois de adquirir um produto. O melhor disso tudo é que você não precisa pagar nenhum tipo de juros para ter acesso a esse benefício.

Veja, a seguir, como solicitar o cartão Bradesco Neo, que, a cada dia, vem crescendo mais no Brasil.

Cartão Bradesco Neo

Anúncios

Quem pode fazer o cartão Bradesco Neo?

Para você conseguir solicitar o cartão Bradesco Neo, é necessário que antes você se encaixe em alguns requisitos que o próprio banco cobra.

É necessário que você tenha, pelo menos, 18 anos de idade; por isso, se você for menor de idade, o pedido do seu cartão será negado.

Além disso, você deve ter o CPF e o RG válidos; do contrário, o seu pedido será, também, negado.

Por fim, você precisa ganhar, pelo menos, R$1.045 reais, ou seja, um salário mínimo.

Solicitar cartão Bradesco Neo pela internet

Antes de tudo, entre no site oficial do banco Bradesco.

Depois disso, preencha no formulário todos os seus dados e documentos pessoais.

Em seguida, depois de enviar todos os seus dados, o banco fará uma análise do seu perfil; se você estiver com o nome sujo ou negativo, o seu pedido será, provavelmente, negado.

Se seu perfil for aprovado, clique em “Pedir Agora”.

Anúncios

Número de contato

Se você tiver alguma dúvida sobre o cartão ou sobre como solicitá-lo, entre em contato com os seguintes números:

  • Capitais e regiões metropolitanas: 3003 0237
  • Demais localizações: 0800 701 0237

O que você achou do cartão? Gostou e quer pedir o seu? Se sim, então clique no botão abaixo que você será redirecionado para o site oficial do cartão Bradesco Neo:

card

Cartão de crédito

Bradesco Neo

Internacional Bandeira Visa

O Cartão Bradesco Neo é uma das melhores opções do Banco Bradesco

Você será redirecionado para outro site

Sobre o autor

Gustavo Cezar

Estudante de administração e investidor. Atua como produtor e diretor de conteúdo, além de redator em diversas agências e projetos. Escreve majoritariamente sobre finanças investimentos, incentivando a educação financeira de qualidade para seus leitores.

Em Alta

content

Demissão em massa: os 16 artistas da Globo demitidos e que você jamais imaginou que isto fosse ocorrer!

Este ano 16 artistas da Globo foram demitidos. Quer saber quem faz parte desta lista? Então, leia este post e se surpreenda com desses nomes dos famosos.

Continue lendo
content

Como solicitar o cartão pré-pago Acesso

Veja agora como solicitar o cartão pré-pago Acesso com um passo a passo simples, rápido, fácil e seguro. Peça o seu e comece as compras

Continue lendo
content

Conheça o Cartão Consignado Banco Mercantil

Para te ajudar a escolher a melhor opção de cartão consignado, veja todas as características do que é oferecido pelo banco Mercantil

Continue lendo

Listas

Paraísos escondidos: os 20 lugares menos visitados do mundo

Você saberia dizer quais são os lugares menos visitados do mundo?! Se não, então leia o nosso texto e descubra alguns paraísos escondidos.

Viajar é uma delícia e não há quem ouse discordar disso. No entanto, infelizmente, alguns destinos com altíssimo potencial turístico são deixados de lado no quesito popularidade dos viajantes. Uma pena, pois o mundo reserva diversos paraísos escondidos que deixariam até mesmo o turista mais acostumado boquiaberto. Se você quer saber mais a respeito, então não deixe de ler o nosso texto sobre os lugares menos visitados do mundo.

20. Belize

Localizado na costa leste da América Central, Belize é um país voltado para o Mar do Caribe e com uma densa floresta. Infelizmente, desconhecido pelos brasileiros, o lugar une história, natureza e praias. Desde a gigantesca Barreira de Coral de Belize, com centenas de ilhas baixas chamadas cayos, até a ruínas maias, o destino é super completo, sendo uma ótima opção para qualquer turista.

Provavelmente, em alguma vez na sua vida, você já deve ter se deparado com imagens de Belize, muito por conta do chamado Buraco Azul , um sumidouro natural, sendo uma de suas atrações mais conhecidas. Além disso, não é difícil de encontrar fotos de suas belíssimas praias de água azul turquesa, bem típica do Caribe. Mas as atrações não param por aí! Como falamos acima, Belize também é ótimo destino para quem quer ver de perto ruínas maias. Dentre elas, a mais imperdível de todas é o Caracol, um dos templos maias antigos e bem conservados do país.

19. Brunei

Você já escutou falar em Brunei?! Se não, então não se sinta mal por isso, pois pouquíssimas pessoas conhecem o local. Quando conhecem, é muito por conta de suas leis pouco progressistas, que incluem até mesmo apedrejamento por adultério e homossexualidade. Pois é, bizarro, não?! Tão bizarro que até mesmo a ONU precisou intervir, denunciando as leis islâmicas.

Tendo em vista que o país é pouco convidativo graças a essa postura extremamente conservadora e violenta, não seria estranhar imaginar que fosse um dos lugares menos visitados do mundo. Verdade seja dita: por mérito próprio. Afinal, por mais que Brunei tenha alguns paraísos escondidos, quem vai querer visitar um destino em que morte seja tão banal, não é mesmo?!

18. Kuwait

Assim como Brunei, Kuwait é um país árabe, que está localizado no Golfo Pérsico, e que também possui leis islâmicas um tanto quanto conservadoras, proibindo, por exemplo, a homosseuxalidade. Não à toa, o país é considerado um dos lugares menos visitados do mundo.

Embora existem leis conversadoras, não é possível dizer o mesmo em relação a seus costumes. Dos países do Golfo Árabe, o Kuwait é dos mais abertos, permitindo até mesmo o não uso do véu por parte das mulheres, e ocidentalizados, sendo um país moderno e globalizado. Lá, misturam-se a cultura árabe e as tradições islâmicas com tendências internacionais, como os arranha-céus. Com isso, é uma pena que o país seja tão pouco procurado pelos turistas mundo afora, já que tem tanto a oferecer a seus visitantes.

17. Butão

Que o Butão é considerado um dos países mais felizes do mundo, isso muito gente sabe. Inclusive, o fato foi muito bem relatado no documentário Happy, em que mostra que o país leva em consideração muito mais a métrica FIB (Felicidade Interna Bruta) do que a tradicional PIB. Mas por que Butão é, então, considerado um dos lugares menos visitados do mundo?!

Embora o país seja o destino ideal de muitas pessoas, que desejam conhecer de perto a paz de espírito de sua população, a verdade é que entrar no Butão não é tão simples quanto pensam. Para ver de perto essa sua realidade , é preciso contratar alguma agência de turismo, pois não é permitido ir ao país de forma independente. Quer dizer, a menos que você tenha um passaporte sul-asiático – mas acreditamos que não seja o caso da maioria aqui, não é mesmo?!

16. Moldávia

Localizado no Leste Europeu, Moldávia é um país da antiga república soviética, sendo considerado atualmente o mais pobre da Europa e com o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da região. No entanto, mesmo com isto, é um lugar que deveria ser visita obrigatória a todos os turistas do mundo, tendo em vista as preciosidades que Moldávia possui, dentre elas a arquitetura em estilo soviético.  

Todavia, não é só pela arquitetura que o lugar é atraente. Para os amantes do vinho, o país é um prato cheio, já que conta com algumas regiões vinícolas, como a Nistreană, conhecida pelos vinhos tintos, e Codru, que abriga algumas das maiores adegas do mundo. Além disso, em tempos onde o euro comercial ultrapassou os R$5,00, Moldávia se destaca por seus ótimos preços, sendo um país barato para a maioria dos brasileiros. 

15. Anguila

Quem não sonha em conhecer o Caribe, não é mesmo?! No entanto, quando alguns cogitam o destino, primeiro pensam no México, Aruba ou Punta Cana, desconsiderando de vez Belize, que já falamos acima, ou Anguila. Infelizmente, eles não fazem ideia do que estão perdendo. Ou seja, sorte a sua de estar lendo o nosso texto, pois o jogo virou para você!

Anguila é uma pequena ilha de colonização inglesa, sendo considerada um dos lugares menos visitados do mundo – justamente pelo motivo que falamos acima, que é a preferência dos turistas por outros destinos caribenhos. Embora renegada, o lugar conta com tudo aquilo que alguém imagina sobre o Caribe: areias tão brancas que parecem serem de açúcar e um mar azul neón ou, como dizem os americanos, “deep eletric blue”. Sendo assim, se você é aquela pessoa que procura uma experiência autêntica na região e quer fugir do turismo de massa, Anguila é a sua pedida ideal!

14. Papua Nova-guiné

Um dos lugares menos visitados do mundo, Papua Nova-Guiné é, com certeza, um dos países mais exóticos citados em nossa lista. Com uma imensa diversidade cultural e biológica, o local é conhecido por suas praias e seus recifes de corais, além de suas diversas tribos indígenas, sendo que muitas das quais têm idioma próprio.

Se você tem curiosidade de ver algo diferente de tudo que já viu em sua vida, Papua Nova-Guiné vai lhe dar essa experiência. Além de contar com uma flona e flora que conseguem fazer inveja até mesmo para o Brasil (tá, não tanto, mas realmente o lugar é privilegiado nesse aspecto), a terceira maior ilha do mundo possui 70% do seu território coberto por florestas e tem mais de 700 grupos tribais que, juntos, falam mais de 800 línguas. Por fim, adicione na lista os fatos de que conchas marinhas eram usadas como dinheiro até 1930 e o canibalismo era praticado até 1950. E aí, está bom ou quer mais?!

13. São Marino

Cravada em uma área montanhosa cercada pela região centro-norte da Itália, São Marino é uma micronação e está entre as repúblicas mais antigas do mundo, já que foi estabelecida por volta dos anos 300 e conseguiu se manter independente ao longo dos séculos. Atualmente, o país, em seus 61 km², menor do que grande parte dos municípios brasileiros, possui apenas 30 mil habitantes e nove municípios.

Embora seja considerado um dos lugares menos visitados do mundo, San Marino possui como economia principal justamente o turismo. Além de manter boa parte da sua arquitetura histórica, um de seus maiores atrativos turísticos é o Monte Titano, onde há três torres medievais ligadas por muralhas, que formam o principal cartão-postal do país.

12. Liechtenstein 

Assim como San Marino, outro país minúsculo (embora seja quase o triplo do tamanho) e pouquíssimo visitado é o Liechtenstein. Conhecido por seus castelos medievais, paisagens alpinas e aldeias conectadas por uma rede de trilhas, o principado de língua alemã é um país muito rico e produtivo.

Embora sua pequena dimensão, a máxima “tamanho não é documento” se ajusta com perfeição no caso de Liechtenstein. Além de produzir excelentes vinhos e queijos, o país conta com cenários que parecem que saíram de um filme. Sendo assim, como o bate-volta até à sua capital, a cidade de Vaduz, é extremamente simples para quem está na Áustria e Suíça, vale a pena incluir Liechtenstein em sua euro trip. Com certeza, você não irá se arrepender por ter feito esta escolha.

11. São Tomé e Príncipe

Um dos poucos lugares que falam a língua portuguesa no mundo, São Tomé e Príncipe é um país insular africano localizado no golfo da Guiné, perto da linha do equador. Considerado por muitos um paraíso tropical, o arquipélago não conta somente com belíssimas praias de água azul turquesa, mas também com regiões vulcânicas e densas florestas que cobrem até o Pico de São Tomé, com mais de 2 mil metros. Uma pena o fato de São Tomé e Príncipe ser um dos lugares menos visitados do mundo, pois suas belezas naturais deveriam ser conhecidas pelo maior número de pessoas possível.

Até agora, só citamos alguns lugares menos visitados do mundo do exterior, mas não houve um lugar do Brasil. Como bem sabemos, nosso país possui inúmeras belezas naturais que não deixa a desejar a ninguém. E aí, cadê elas?! Calma, respire fundo porque a hora é agora. Veja quais são os 10 paraísos escondidos brasileiros. Será que você conhece algum deles?!

10. O Lavandário

O primeiro lugar a ser citado na nossa lista dos menos visitados do Brasil é o lavandário, localizado na cidade de Cunha, interior de São Paulo. Poucos sabem, mas no nosso país existe um local que não deixa a desejar se comparado com os lindos campos de lavanda na região de Provença, no sul da França. E esse local – adivinha?! – é justamente o lavandário de Cunha.

Para quem tem o sonho de conhecer os campos de lavandas de Provença, há um porém que diz respeito à época de visitá-los, já que o cenário roxo só existe em dois meses do ano. Isso, por exemplo, não acontece em Cunha, pois, graças a um sistema de plantio e de poda rotativo, “O Lavandário” tem seus campos floridos nos 365 dias do ano! Além disso, convenhamos: Cunha está a poucos km de São Paulo, o que facilita muito, e visitá-la é muito mais em conta do que ir para a França. Então, por que não valorizar um local típico brasileiro, não é mesmo?!

09. Salinas da Margarida

Que a Bahia conta com lugares incríveis em que a maioria da população brasileira sonha em conhecer, isso é verdade. No entanto, entre tantos pontos turísticos baianos, como Trancoso, Caraíva, Itacaré, Maraú e a própria capital Salvador, há um destino que fica de lado: a Salinas da Margarida.

Localizada nas proximidades de Salvador, a Salinas da Margarida é um dos lugares menos visitados do Brasil, pois pouquíssimas pessoas a conhecem, o que é uma pena. Como toda a Bahia, o local conta com belíssimas praias, sol praticamente o ano todo e muito dendê para temperar a experiência turísticas de seus visitantes.

08. Carrancas, Minas Gerais

Uma coisa não podemos negar: o nosso Brasil é privilegiadíssimo no quesito beleza natural. Não à toa, temos diversos paraísos escondidos, como é o caso de Carrancas, em Minas Gerais. Se você ama um turismo de aventura, então anote este nome que ainda é desconhecido pela maior parte da população brasileira.

Considerada a cidade mineira das cachoeiras, Carrancas oferece uma diversidade de paisagens naturais que satisfaria até mesmo o mais enojado. Localizada no sul de Minas Gerais, a cidade conta com diversas atrações turísticas, tais quais o Complexo da Zilda, a Cachoeira da Esmeralda e a Cachoeira da Fumaça, um dos cartões postais da cidade.

07. Aquário Encantado – Nobres

Nós já falamos sobre Nobres e o Aquário Encantado no nosso texto sobre os 30 lugares com paisagens naturais para deixar qualquer um de queixo caído. Todavia, quando o lugar é bom e pouco conhecido, ele merece ser constantemente reforçado, como é o caso aqui.

Para quem ainda não leu o nosso outro texto e não sabe sobre o que estamos falando, Nobres é praticamente a cidade de Bonito, só que localizada no Mato Grosso. Isso porque ambos os destinos tem atrações turísticas bem semelhantes, porém Nobres é mais rústica e com menos influência do turismo em massa. Dentre as atrações, o Aquário Encantado, considerado um dos paraísos escondidos do nosso Brasil e, por esta razão, não poderia ficar de fora da nossa lista.

06. Lagoa Encantada

Se você pesquisar no Google a referência “Lagoa Encantada Mato Grosso”, com certeza não irá acreditar que existe um lugar desse tipo do Brasil. E o pior: pouquíssimo divulgado. Ainda bem que nós estamos aqui justamente para reverter o quadro e fazer jus ao local.

Localizada na cidade Primavera do Leste, a pouco mais de 200km da capital Cuiabá, a Lagoa Encantada, também chamada de Lagoa Azul, mexe com os sentimentos tanto de seus moradores como de seus pouquíssimos turistas de outras regiões. Graças à sua água azul turquesa absurdamente cristalina, o local, de aparência hipnotizante, é destino ideal para quem gosta de fazer mergulhos em razão da sua alta visibilidade.

05. Monumento Natural dos Pontões Capixabas

Um dos lugares menos visitados do Brasil é, sem sombra de dúvidas, o estado de Espírito Santo, o que é uma injustiça. Além de contar com diversos lugares incríveis, de belezas naturais impressionantes, a região possui um dos paraísos escondidos brasileiros: o Monumento Natural dos Pontões Capixabas.

O Monumento Natural dos Pontões Capixabas é um lugar obrigatório para os amantes do esporte de aventura como, por exemplo, trekking, paraglider ou escalada. Não à toa, por meio de um decreto presidencial em 2008, tornou-se uma unidade de conservação federal do Brasil categorizada como monumento natural, sendo o primeiro deles a ser administrado pelo ICMBio tamanha a sua importância ambiental.

04. Cânion do Rio Poti

No Brasil, há diversos tipos de cânions para todos os gostos. Seja o cânion do Xingó e de Itaibezinho ou seja o famoso de Furnas, localizado na cidade de Capitólio, em Minas Gerais, verdade é que no quesito cânions o nosso país não faz feio. Dentre eles, há, inclusive, um pouquíssimo falado e visitado: o Cânion do rio Poti, ideal para quem gosta de praticar esportes radicais.

Com 60 metros de altura, o Cânion do Rio Poti está localizado a 230 quilômetros de Teresina, capital do Piauí. No caminho para chegar até o local, é possível encontrar diversas cavernas e abrigos naturais pelas trilhas. Além disso, no decorrer dos paredões, existem inscrições rupestres, o que faz com que o passeio se torne ainda mais especial. Ou seja, mesmo que o lugar seja um dos menos visitados do Brasil, você precisa colocá-lo na sua lista de “ver antes de morrer”.

03. Dunas do Rosado

Se você olhar a foto abaixo, talvez pense que ela foi tirada no Deserto do Saara ou da Namíbia. Mas saiba de uma coisa: você está completamente enganado! Por mais incrível que pareça, este lugar de visual incrível está no Brasil e você nunca escutou falar sobre ele: o Dunas do Rosado, localizado no extremo norte do estado do Rio Grande do Norte.

Cenário ainda desconhecido pela maioria dos brasileiros (infelizmente), as Dunas do Rosado é um lugar que deixaria qualquer um, até mesmo o mais acostumado com paisagens naturais, encantado. São 10 km² de extensão em uma sequência de montanhas coloridas, formadas pelos sedimentos de falésias vizinhas, trazidos pelos ventos constantes. É de uma beleza ímpar que não há quem não fique emocionado ao conhecer o local de perto.

02. Chapada da Serra Vermelha

Quando pensamos em chapadas no Brasil, logo vem à mente as mais famosas, que são a dos Veadeiros ou Guimarães – quiçá a das Mesas, localizada no estado do Maranhão. No entanto, há outra que precisa ser igualmente enaltecida: a Chapada da Serra Vermelha, que fica no sul do Piauí.

Para quem não sabe, a Chapada da Serra Vermelha fica dentro do parque nacional da Serra das Confusões, onde há inúmeros sítios arqueológicos. Entre os atrativos, existem as grutas, cavernas e formações rochosas surpreendentes, que torna o cenário todo especial e ideal para quem gosta de fazer trilhas e conhecer lugares de beleza natural.

01. Gruta da Judéia

E, é claro, dentre os lugares menos visitados do mundo, mais especificamente do Brasil, não poderíamos deixar de citar uma preciosidade amazônica, não é?! E a nossa escolhida foi justamente a Gruta da Judéia, no município de Presidente Figueiredo, a pouco mais de 100 km da capital do Amazonas. Lá, você vai encontrar tudo o que procura para um dia revigorante em meio à natureza: preservação ambiental, muitas aves nativas, trilha com infraestrutura, cavernas seguras e lagoas que se formam abaixo das quedas d’água em um cenário de encher os olhos. Enfim, um passeio completo em um dos lugares mais lindos do nosso país.

E então, gostou de saber quais são os lugares menos visitados do mundo?! Esperamos que sim e que tenha colocado tais paraísos escondidos em sua lista de destinos para visitar, principalmente no que diz respeito aos locais brasileiros. Afinal, com tantas belezas naturais e lugares incríveis, é importante valorizar o turismo nacional, não é mesmo?!

Você também pode gostar

content

Conheça o cartão de crédito BB Universitário

Conheça o cartão de crédito BB Universitário, o cartão com benefícios exclusivos para estudantes, como anuidade grátis! Confira mais aqui!

Continue lendo
content

Conheça o Pride Bank Pré-Pago

Conheça o pride bank pré-pago, primeiro banco digital voltado para a comunidade LGBT que traz várias vantagens como inclusão do nome social!

Continue lendo
content

Como abrir conta Inter

Aproveite a chance de ter uma conta gratuita com transferências e saques sem custos. Então, saiba como abrir sua conta digital Inter e curta essas vantagens.

Continue lendo